Tom Hanks escreve para menino chamado Corona vítima de bullying

O ator Tom Hanks respondeu a uma carta de um menino de oito anos australiano chamado Corona, que é vítima de bullying por causa do nome, e ofereceu a ele uma máquina de escrever, da marca Corona.

A estrela de Hollywood e a mulher estiveram durante cerca de três semanas na Austrália para se recuperar da infeção de Covid-19 e Hanks recebeu uma carta de um menino chamado Corona.

A criança, que é fã do filme animado “Toy Story”, escreveu ao ator norte-americano que dá a voz à personagem Woody, a perguntando se ele e a mulher estavam bem, após ter visto nas notícias que tinham testado positivo para a doença. O menino contou a Tom Hanks que estava sendo vítima de bullying na escola por causa do nome e que lhe chamavam “Coronavírus”.

O ator, que já voltou aos EUA, respondeu à mensagem. “A sua carta fez a minha esposa e eu nos sentirmos tão maravilhosos! Obrigado por ser um amigo tão bom – os amigos fazem os amigos se sentirem bem quando estão deprimidos”, escreveu o ator.

“É a única pessoa que eu conheço que se chama Corona – como o anel ao redor do sol, uma coroa”, acrescentou o premiado ator. Além da resposta, Tom Hanks enviou uma máquina de escrever, da marca Corona, que tinha levado para a Austrália na época da viagem. “Tinha levado a máquina para a Gold Coast e agora está aí de volta – contigo. Pergunte a um adulto como funciona. E me escreva de volta”.

Compartilhe nas redes sociais
Publicação Anterior

Em sua coluna de estreia, Tanaka fala sobre o atual momento e como estamos reagindo a ele

Próxima Publicação

Taylor Swift classifica lançamento de canções antigas de “ganância descarada”

170 Comentários

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.