Chef Emanuel Wollz e o veganismo

Hoje em dia está cada vez mais comum pessoas adeptas ao estilo vegano, estima-se que cerca de 5 milhões de brasileiros sejam veganos. 

O veganismo é um movimento que tem o intuito de zelar pelo bem-estar dos animais. Boicote a práticas que ferem esses princípios é uma das principais metas dos veganos. 

Com uma dieta a base de vegetais, livre de todos alimentos de origem animal, como carne, laticínios, ovos e mel, veganos também não consomem nenhum produto que seja testado em animal e nem confeccionado com couro. 

Veganismo é o movimento que busca libertar animais em todas as frentes possíveis, não só de mercado de alimentação, mas também de trabalho forçado e entretenimento.

A Sociedade Vegana (The Vegan Society) foi criada há mais de 70 anos, mas o veganismo como prática existe há muito mais tempo. Existem evidências de pessoas escolhendo evitar produtos animais há 2.000 anos.

Numa data mais próxima de nós em 1806, os primeiros conceitos sobre veganismo começaram tomar forma com Dr. William Lambe e Percy Bysshe Shelley criticando publicamente o consumo de ovos e laticínios. 

O veganismo é uma postura política, e não apenas uma dieta. Os veganos não consomem nada de origem animal em nenhuma área de suas vidas: alimentação, vestuário, espetáculos ou qualquer outro tipo de atividade que envolva sofrimento animal. Eles fazem questão de mostrar sua filosofia de vida as empresas, através de boicote a produtos e serviços que causem sofrimento aos animais.

Existem os veganos FRUGÍVOROS, que só se alimentam de frutas e os CRUDÍVOROS, que só comem alimentos crus (muitas vezes germinados). Lembrando que os crudívoros não são necessariamente veganos, pois a motivação mais comum para eles é a saúde, existem crudívoros que consomem mel e outros produtos de origem animal.

Além de evitar a crueldade animal, vegano também é sinônimo de ser mais saudável: 

O estilo de vida vegano pode te ajudar a obter muitos nutrientes, pois é uma dieta poderosamente nutricional. A dieta ocidental com produtos de origem animal é boa, mas muitas vezes pode reduzir a ingestão de micronutrientes. Pode levar a uma carência de vitamina A, zinco, magnésio e muito mais. Enquanto você acha que está recebendo esses nutrientes através de suas refeições, dieta não vegana é capaz de impedir seu corpo de absorvê-los totalmente.

A carne tende a consumir maior parte de uma receita, e não deveria ser assim. Os veganos consomem mais oleaginosas, vegetais, frutas, legumes, etc.

A perda de nutrientes em uma dieta vegana só existe se você não substituir os alimentos de origem animal adequadamente. Com as substituições certas não há risco de nenhum déficit.

Alguns dos benefícios da dieta vegana são:

  1. Uma dieta rica em nutrientes.
  2. Pode diminuir os níveis de açúcar no sangue.
  3. Pode reduzir o risco de insuficiência renal.
  4. Alguns cânceres podem ser evitados.
  5. Pode reduzir a dor da artrite.
  6. Há um risco menor de desenvolver doenças cardíacas.
  7. Ajuda a perder peso.
  8. Melhora os níveis de aptidão física.
  9. Leva a níveis mais baixos de colesterol.

Ser vegano acaba saindo caro? 

Qual é o local mais barato para se comprar comida de qualidade? Pois então, a feira. Exatamente na feira onde está tudo que o vegano precisa para sua alimentação: grãos, cereais, legumes, verduras, frutas e leguminosas que não são necessariamente caros; principalmente se você levar em consideração a sua saúde como prioridade.

O aumento da popularidade do movimento vegano se deu também graças às celebridades que se mostraram veganas publicamente – músicos, atores ou empresários – despertaram atenção para um tema até então não popular, estamos falando de algo como 30 anos.

Na internet existem vários documentários e filmes veganos que de uma maneira mais fácil nos fazem conhecer mais sobre esse movimento; e também para quem tem interesse em virar vegano.

Cardápios veganos: 

Somente um nutricionista é capaz de montar um cardápio (dieta) com suas necessidades específicas.

Porém, a Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) publicou o “Guia Alimentar de Dietas Vegetarianas para Adultos” que pode servir como referência na hora de escolher o que um vegano deve comer na sua rotina.

Seja criativo nas combinações! Soja, legumes, e vegetais podem compor saborosos pratos. O veganismo vai muito além da alimentação, ele pode ser considerado um estilo de vida.

Veganos jamais passarão fome, pois existem muitas opções de ingredientes que podem ser combinados entre si, resultando em excelentes pratos, inclusive delícias doces que também são veganas.

A carne pode ser substituída pela carne de soja e também pela carne de jaca; o leite, pelo leite de soja, amêndoas, etc; o pão, pela versão integral. Os alimentos integrais são ótimos por garantirem, inclusive, a saciedade, impedindo que você dê aquelas famosas “beliscadas” ao longo do dia. O que torna a dieta vegana uma boa opção também para quem quer perder alguns quilinhos. 

Em um menu vegano você pode se jogar nos legumes, vegetais, frutas, hortaliças, grãos e ovos/leite/queijo/margarina vegetal são permitidos!

Temperos como cebola, alho, cebolinha, alho-poró, hortelã, manjericão, orégano, canela, salsa, chimichurri e lemon pepper deixam seus pratos mais deliciosos e atrativos.

“Jamais pense você que os pratos se tornam menos saborosos por não terem ingredientes de origem animal, as diferentes combinações entre os alimentos podem formar pratos nutritivos e atraentes!”

 

Compartilhe nas redes sociais
Publicação Anterior

Harry e Meghan assinam contrato para dar palestras

Próxima Publicação

Xandy Novaski entrevista o figurinista Marcelo Henrique Martins

9 Comentários

  • … [Trackback]

    […] Here you will find 37689 additional Information to that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] There you will find 22848 additional Information on that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Find More to that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Find More on that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Read More Information here on that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Find More Information here to that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Find More Info here on that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Info to that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

  • … [Trackback]

    […] Find More Information here on that Topic: revistadovilla.com.br/2020/06/30/chef-emanuel-wollz-e-o-veganismo/ […]

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.