Alan Ramos e os cabelos coloridos na história

João. Crédito: @zophusprofessionaloficial

Os modernos e tão desejados cabelos com os mais diversos tons, atualmente invadem as passarelas da moda, fazem a cabeça dos jovens, adultos e até dos pessoal da melhor idade, que cada vez mais vem aderindo a essa moda. 

Celebridades como Justin Biebber, Xuxa, Lana del Rey, Thalia, Lady Gaga e vários blogueiros (as) brasileiros usam ou já experimentaram ter cabelos coloridos e demonstram adorar o resultado.

Uma moda que, durante décadas, assim como as tatuagens, era considerada única e exclusivamente dos Punks, hoje já não mais está rotulada a um único grupo e sim disponível e desejado por todos.

Mariana. Crédito: @zophusprofessionaloficial

Mas, essa moda não é recente como a maioria pensa, os cabelos coloridos de cores exóticas tiveram sua primeira aparição há mais de 300 anos. A rainha Maria Antonieta, por exemplo, apareceu em um retrato de 1775, com os cabelos coloridos de Rosa Pastel. Em 1913 as mulheres na França começaram a usar um pó colorido para ter seus cabelos combinando com a cor dos vestidos.

A marca Zophus Professional, antes mesmo de tornar-se uma empresa de cosméticos, apresentou pela primeira vez os cabelos coloridos de várias cores em 2008 em sua coleção “Teens Evolution”. ( Assista o vídeo no YouTube: Zophus Professional Teens Evolution ). Atualmente, a marca investe em produtos coloridos com uma vasta paleta de cores. A versatilidade do produto foi o que conquistou seus adeptos, por se tratar de colorações sem amônia e sem água oxigenada, o produto também sai com as lavagens possibilitando a aplicação de uma nova cor.

Mariana Orange. Crédito: @zophusprofessionaloficial

Vale ressaltar que para ter os cabelos coloridos com cores exóticas só existe 2 maneiras: descolorindo os cabelos ou já possuindo cabelos brancos, do contrário as cores não irão aderir e colorir os fios.

Independente de época, cor ou moda, o que vale mesmo é estar feliz consigo mesmo e buscar uma identidade própria! Na dúvida, procure sempre um profissional qualificado, que respeite seu estilo e a saúde de seus cabelos.

Por Alan Ramos: @alanpeixes

Rebecca. Crédito: @zophusprofessionaloficial
Publicação Anterior

Bares e Restaurantes voltam a receber o público carioca

Próxima Publicação

Xandy Novaski entrevista o consultor em arquitetura e design de interiores, Ivaldo Campello

274 Comentários

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.