Ana Jardim e as maravilhas de Serro, em Minas Gerais

Olá pessoal !

Ai que saudades do tempo em que eu os chamava para passear em cidades históricas mineiras.

Era uma descoberta a cada dia. 

Pensando nisto, resolvi convidá-los a visitar Serro. 

Localizada a 250 quilômetros de Belo Horizonte, tem mais de trezentos anos e aproximadamente vinte e um mil habitantes. 

Com uma belíssima arquitetura tipicamente colonial, foi o primeiro município do país a ser declarado Patrimônio Histórico Nacional pelo IPHAN: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

Localizada na Serra do Espinhaço, a cidade é também chamada de Terra do Queijo, devido à produção do famoso Queijo do Serro.

Para os amantes do turismo histórico e ecológico, o município é um prato cheio, pois possui um acervo, desde museus a festas típicas, todas banhadas pela deliciosa culinária local.

Existem vários motivos pelos quais deveríamos fazer de Serro nosso próximo destino. 

Devido a sua geografia, na região há várias cachoeiras, sendo muitas de fácil acesso, uma pequena trilha e logo você estará em um belo poço para refrescar.

As mais conhecidas são a cachoeira do Moinho e a cachoeira do Carijó.

Essas são só algumas, pois há muito mais na região.

Este cantinho de Minas também oferece um artesanato de qualidade, com peças de arte em madeira, bambu, cerâmica e pinturas do artista plástico Rafael Múcio. 

Para quem está em busca de sossego, ele mora lá. 

Que delícia!

Vamos agendar? 

Serro nos aguarda para compartilhar tudo de bom que existe no lugar! 

Um abraço.

Ana Jardim

Compartilhe nas redes sociais
Publicação Anterior

Algarve desafia adeptos dos carros de acampamento a fazerem ”a melhor escolha” para pernoitar

Próxima Publicação

Victor Barros: acolhimento, atendimento e requinte do Restaurante Prós & Contras em Guimarães, a Cidade Berço de Portugal

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.