Xandy Novaski entrevista a roteirista, produtora e cineasta Rayssa de Castro

RAYSSA DE CASTRO - Crédito Arquivo Pessoal

RAYSSA DE CASTRO é uma exímia empreendedora no que se refere ao audiovisual. Roteirista, produtora e cineasta, ela está à frente do projeto “Rocinha – Toda História Tem Dois Lados”, filme que vem dando o que falar antes mesmo de ser finalizado. Abraçada pela BS Produções, a Ravis Sorvetes e também pela comunidade onde o projeto é rodado, Rayssa e sua equipe só têm a agradecer. Conheça mais sobre a trajetória da profissional nas artes cênicas e um pouco mais sobre seu longa-metragem que tem tudo para ser um grande sucesso!

1 – Quero iniciar falando do seu novo longa-metragem “Rocinha – Toda História Tem Dois Lados”. Qual é o maior diferencial que o filme trará para o público?

Iremos contar a história dos moradores, seus sonhos. Você pode ter certeza que nunca se ouviu falar sobre isso. A galera só quer falar do tráfico. A gente fala também, mas nosso alvo é apontar a luta e superação deles. Clarinha sonha em ser atriz. Filha de um traficante, não quer isso pra ela. As crianças são o carro-chefe do filme.

2 – Como surgiu a ideia em rodar um projeto que foge totalmente dos roteiros apresentados em outros trabalhos que têm somente a violência na favela como pano de fundo?

Conheci as crianças da Rocinha no teatro Princesa Isabel, fazendo uma peça. Ajudei eles e fiquei encantada com tanto talento que só precisava de uma oportunidade. Prometi que faria um filme pra eles. No longa-metragem, oitenta por cento dos atores são da comunidade. Já ajudamos a tirar uns do crime. Isso dinheiro nenhum paga.

3 – Quais são as saídas que vocês vêm tendo com a produção do filme durante essa pandemia de covid-19?

Equipe reduzida, máscara e controlando a temperatura. Só ficam no set seis atores.

 

Equipe do filme ROCINHA, TODA HISTÓRIA TEM DOIS LADOS, após gravação - Crédito Arquivo Pessoal.

4 – Eu li uma matéria e também assisti a outra semelhante na TV em que aponta a favela como um ótimo lugar para se abrir um negócio. Inclusive nas duas reportagens há o resultado de uma pesquisa que assinala o aporte de 120 bilhões de movimentação financeira nas comunidades brasileiras. Como fazer o Brasil reconhecer que favela é riqueza, inclusive cultural?  

A Rocinha é uma cidade dentro do Rio. Ela movimenta muito dinheiro. É a maior da América Latina. Os políticos precisam dar pra eles o mínimo que todos merecem: respeito, cuidar de verdade e acreditar que ali na Rocinha tem muito talento esperando a sua vez chegar.  Oportunidade, esse é o nome.

5 – Você deu os primeiros passos na arte de interpretar quando participou de um curso de teatro aos 08 anos num circo. A identificação com essa magia circense foi imediata? 

Eu sou de circo. Comecei aos oito anos sendo palhacinha. Sou apaixonada por tudo que envolva a arte operária do teatro. E assim que me sinto. Fiz meu primeiro filme quando tinha apenas quatorze anos, mas eu era muito imatura e o projeto não foi pra frete. O cinema me seduz. É lindo demais!

6 – Conforme disse, seu primeiro roteiro foi escrito quando você tinha apenas 14 anos. Ele chegou a ser rodado, mas não finalizado. O que esse treino trouxe de experiência para a Rayssa de hoje?

A experiência que trago comigo é não desistir dos meus sonhos e lutar, ter foco, querer e poder.

7 – Na “Cia Cara Lavada” sua participação ativa completa 20 anos. É uma vida. Quando que o teatro alcança esse poder em tornar um grupo de pessoas numa família?

Criei minha Cia porque o povo só queria trabalhar com panela. Aí pensei: “Vou fazer e vou dar oportunidade geral. Se meu amigo tiver talento, ótimo!” Eu escrevo, faço a produção, vou às escolas, praia, praças pra divulgar as peças. Divulgar é fundamental. Loto teatro só com isso.

BASTIDORES - DOUGLAS SAMPAIO e MARIANA AZEVEDO em ROCINHA, TODA HISTÓRIA TEM DOIS LADOS - Crédito Arquivo Pessoal.

8 – Você, além de dirigir, escreve, atua e produz. Como se dá essa separação de afazeres num segmento tão agitado que é o artístico?

É uma loucura! Às vezes acho que vou ficar louca. É cansativo, mas é muito bom sentir o cansaço daquilo que você ama fazer.

9 – Seu currículo conta com algumas peças de teatro bem conhecidas, dentre elas o musical “La Bamba”, que inclusive ganhou os palcos paulistanos. De onde veio essa ideia e, em sua opinião, por que os musicais são tão singulares na vida do ator?

“La Bamba” foi um desafio! Escrevi e produzi sem nenhum real. De verdade, sou louca, mas Deus está sempre comigo. Eu me jogo mesmo. Musicais tem luxo, glamour, o povo quer ver isso. Escrevi “La Bamba” pro meu amigo César Guerreiro que falou que a história dele lembrava a do Ritchie. Tinha maestro, banda, até o incentivo do Miguel Falabella (risos). Sampa é sim sonho pra gente de teatro. Valeu muito a pena. Parei porque uma peça dessas tem que ter grana.

10 – Pra quando está estipulada a data de lançamento do filme? E quais são os voos que a equipe almeja com a obra?

Meio do ano, se a pandemia deixar.  A gente almeja o mundo.  Por que não? (Risos). Tá tudo muito bonito, beira o realismo. Se Deus quiser vai mudar a vida desses atores.

 

BASTIDORES - Na BS Produções - Filme ROCINHA, TODA HISTÓRIA TEM DOIS LADOS - Crédito Arquivo Pessoal.
Compartilhe nas redes sociais
Publicação Anterior

Raul Sulzbacher e Chieko Aoki eleitos para comandar o São Paulo CVB

Próxima Publicação

Douglas Delmar apresenta o Palácio Real de Buçaco: um paraíso de história e requinte em Portugal

10 Comentários

  • Howdy! I could have sworn I’ve been tto this blog before
    butt after browsing through some oof the post I realized it’s new to
    me. Nonetheless, I’m definitely delighted I found it and I’ll be bookmarking and checking back frequently!

  • You really make it appear really easy together with your presentation but I in finding this matter to be actually one thing which I feel I might never understand. It kind of feels too complicated and very vast for me. I’m looking ahead in your subsequent submit, I’ll try to get the cling of it!

  • It is truly a great and useful piece of information. I am satisfied that you shared this helpful info with us. Please stay us informed like this. Thanks for sharing.

  • Hey there would you mind letting me know which hosting company you’re utilizing? I’ve loaded your blog in 3 completely different browsers and I must say this blog loads a lot faster then most. Can you recommend a good internet hosting provider at a honest price? Thank you, I appreciate it!

  • What’s up to all, how is the whole thing, I think every
    one is getting more from this web page, and your views are
    good designed for new users.

  • Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a video game where you can do anything you want. sl is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these Second Life authors and blogs

  • This was awesome! I would like you to clean up all this spam though

  • This was awesome! I would like you to clean up all this spam though

  • This was awesome! I would like you to clean up all this spam though

  • I don’t know about you guys but I am obsessed with airplanes. I had a friend in highschool that loved airplanes, so here are some airplane related stuff I don’t know about you guys but I love airplanes. I had a friend in highschool that loved airplanes, so here are some airplane related stuff https://www.airlinereporter.com/2011/03/boeing-video-747-8-intercontinental-completes-high-speed-taxi-tests/

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.