Davilmar Santos: Histórias de Sucesso em NY - Parte 1

Quando adolescente ajudava o pai na oficina de automóveis, mas o seu sonho era trabalhar na  agência bancária da cidade para impressionar as meninas do colégio. Tanto pediu, que o pai conversou com o gerente e recebeu a promessa de chamar o filho quando surgisse uma vaga. 

Era uma sexta-feira, quando o banco avisou que ele deveria iniciar na segunda-feira seguinte. O namoro começou duas semanas depois. Estudavam na mesma escola e os encontros aconteciam nos intervalos do recreio. Quando saiam, ele a acompanhava até a esquina da rua onde ela morava. Um ano depois, decidiram levar o namoro para a casa dos pais dela. 

Ele entrou desconfiado e os dois ficaram sentados em poltronas separadas sob o olhar disfarçado da mãe. Atento, escutou o portão da garagem abrindo, o ford Galaxie entrando, o motor parando, a porta do carro batendo e os passos do pai da namorada pelo corredor. Gelou quando o viu pendurando o cinturão com o revólver no cabide da sala ao lado. Levantou-se e disse que seria melhor deixar aquela conversa para outro dia. Ela o segurou pelo braço e pediu que ficasse calmo pois ia dar tudo certo. 

O namoro continuou, seguindo as regras estabelecidas pelo pai, as quais, com o tempo, tornaram-se mais brandas. O noivado aconteceu dois anos depois. A notícia de que o pai havia sido transferido para uma delegacia de polícia da capital e que a família deveria mudar em três meses a pegou de cheio. Ela teria de acompanhá-los, a menos que se casasse. Assim foi feito. 

No dia da mudança, o pai morreu de ataque do coração. Dias depois ela descobriu que estava grávida. Em seguida, a agência do banco fechou, e ele perdeu o emprego. A vida estava ficando complicada…Continua na próxima semana. 

Histórias como esta fazem parte dos meus livros sobre imigrantes em Nova Iorque, à venda pela Amazon.

Davilmar Santos

Publicação Anterior

Viagem em aeronaves privativas pode chegar a R$ 1 milhão por voo

Próxima Publicação

Chef Ricardo Gullo e sua criatividade em nova casa

611 Comentários

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.