XANDY NOVASKI ENTREVISTA O MAQUIADOR E DESTAQUE DO CARNAVAL BRASILEIRO ALEX ARAÚJO

O Carnaval está na vida de ALEX ARAÚJO desde os tempos de infância. Maquiador renomado, ele também é formado em Farmácia e estuda Publicidade e Propaganda. E nesse meio tempo de tantos afazeres e dons, sua colocação como Destaque de Alegorias nas Escolas de Samba o levou inclusive a ser Embaixador do Brasil no Carnaval de Boston, Estados Unidos. Conheça mais sobre a trajetória desse profissional de múltiplos talentos e redescubra com ele os encantos desse momento que é único na nossa cultura!

ALEX ARAÚJO - Crédito Douglas Moreira
  • Você pisou pela primeira vez numa quadra de Escola de Samba aos 07 anos. Tem a lembrança viva desse momento? Como foi o impacto?

Sim, tenho muitas lembranças, pois a Escola de Samba ensaiava no bar do meu pai e eu, desde criança, ouvindo aquela bateria me encantava. Daí pedia instrumento pra bater. Até que surgiu uma oportunidade de vir de Destaque Mirim (Anão da Branca de Neve, o Feliz). Na hora pulei de alegria e representei esse personagem já fazendo uma coreografia que não estava nem no script (risos). No dia desse desfile foi mágico, pois fiquei extasiado e encantado com as alegorias, como as pessoas eram felizes em estar ali. Realmente fui tomado pela emoção e nunca mais parei de desfilar!


  • Sua torcida pela ‘Camisa Verde e Branco’ não o impede de desfilar desde os 15 anos na ‘Sociedade Rosas de Ouro’. Como consegue dividir esse amor?

Sempre digo que meu coração é Camisa Verde, pulsa o Trevo da Barra Funda, me apaixonei a primeira vista, encantei com o símbolo da Escola o Trevo. E também aqueles desfiles incríveis e únicos que o ‘Camisa’ fazia. Meados de 1999 para o Carnaval de 2000, eu fui ao ensaio da ‘Rosas de Ouro’ e convidado pra participar do Projeto ‘Samba se Aprende na Escola’. E como já sambava, era o famoso ‘pimentinha’ que me chamavam, me tornei passista já para o carnaval de 2000. Sempre digo meu amor ao ‘Camisa’, mas me apaixonei pela ‘Rosas de Ouro’, Escola que permaneci por 20 anos até agosto de 2020.


  • Há uma década e meia você atua na área de beleza, tanto como maquiador quanto como dermopigmentador. De alguma forma a harmonia, a plástica e a formosura dos que desfilam influenciaram na escolha da sua profissão?

De Certa forma sim. Eu já trabalhei em vários setores de um Banco, mas onde me apaixonei foi pelo salão de beleza. As produções de maquiagem e cabelos, como eu já me maquiava, então já tinha mão. Só precisava aprimorar e fazer alguns cursos.

ALEX ARAÚJO – Fantasia para Unidos da Tijuca 2020 - Crédito Douglas Moreira.
  • Você tem sido destaque central na Roseira. Como surgiu o convite para assumir essa posição tão grandiosa dentro de uma Escola de Samba?

Atualmente sou Destaque central abre-alas da ‘Águia de Ouro’ e coordenador de Destaque da Escola. Ingressei na Escola em setembro de 2020. O convite foi feito pelo o Carnavalesco Sidney França da Águia de Ouro para representar um figurino que era o meu sonho. Claro que imediatamente os olhos marejaram e não contive a emoção. Estou muito feliz em fazer parte dessa nova Família Águia de Ouro não tem como não se apaixonar por essa Escola de uma energia maravilhosa!


  • Outras Escolas estiveram em seu caminho: ‘X-9 Paulistana’, ‘Tom Maior’ e ‘Unidos de Vila Maria’. E sempre como destaque. Ou seja, chegou a desfilar em 03 escolas num único ano. Como fez pra costurar tamanha responsabilidade?

Desfilei 17 anos no ‘Camisa Verde e Branco’, 07 anos na ‘X-9 Paulistana’, na ‘Tom Maior’ e ‘Unidos de Vila Maria’ e ainda desfilo há 13 anos no Carnaval Santista (Cidade de Santos, Litoral) como Destaque de Ouro da ‘Escola de Samba Brasil’. Olha, já cheguei a desfilar em 3 a 4 escolas por ano era muita correria, mas o amor pelo Carnaval é tão grande que não tem cansaço. Hoje em dia procuro desfilar somente em 01 Escola em São Paulo e 01 no Rio de Janeiro e em Santos, por conta que o tamanho da fantasia cresceu demais. Com essas Escolas eu consigo fazer 03 fantasias com mais detalhes e requinte. E com isso consigo fazer bem feito e estar presente nas Escolas das quais participo. Sou um destaque muito presente na Escola, gosto de ir aos ensaios, viver e sentir o Carnaval o ano inteiro com a Escola.


  • O Esplendor do Carnaval na Praça Armênia em 2019 foi um divisor de águas em sua trajetória no Samba. Qual foi o caminho aberto diante do figurino criado pelo André Machado para o desfile Viva Hayastan?

A fantasia ‘Esplendor Do Carnaval na Praça da Armênia’ foi sim um divisor de águas pela grandiosidade e o tamanho da roupa, mas aqui em São Paulo já era bem conhecido mesmo fazendo roupas menores. Essa fantasia foi um grande presente e no momento certo, pois eu já vinha pensando há anos em aumentar o tamanho da roupa e ficar somente em 01 Escola. Foi quando eu disse: “Esse é o momento, estou preparado!” Daí, em uma conversa com a Presidente Angelina Basílio, ela me cedeu essa oportunidade em ser o Destaque Central junto com o maravilhoso carnavalesco André Machado que criou esse lindo figurino, me colocando pra fechar o Carnaval da Roseira em cima do Símbolo da Escola, a Rosa. Digo que foi um presente mais que especial, tenho muita gratidão à ‘Sociedade Rosas de Ouro’ pelos 20 anos e também à presidente Angelina Basílio por todas oportunidades que tive dentro da Escola .

ALEX ARAÚJO - Fantasia Anjo Cibernético, Rosas de Ouro 2020 - Crédito Douglas Moreira.
  • Do Anhembi para a Sapucaí. Conta pra gente: o que ocorreu minutos antes de pisar na passarela do Samba mais famosa do mundo?

Exatamente do Anhembi pra Sapucaí! Eu saí do desfile da ‘Rosas’, última Escola a desfilar. Acabando o desfile corri pra embarcar e ir pro Rio de Janeiro onde já iria desfilar no domingo pela ‘Paraíso do Tuiuti’, que foi uma experiência maravilhosa, uma Escola muito querida. Fui muito feliz! Mas o melhor ainda estava por vir na segunda-feira. Era minha estreia na minha escola de samba do coração: ‘Unidos da Tijuca’. Meu Deus! Mal conseguir dormir de ansiedade a mil, mas tenho muita concentração e me apego muito a Deus e os Orixás pra me darem tranquilidade para fazer tudo. Eu tive que montar toda roupa com uma garoa que não parava, mas Deus ouviu tanto minhas orações que a chuva parou e só assim consegui finalizar a montagem da minha fantasia, poder desfilar e sentir a aquela emoção do Viaduto da Curva da Marquês, tudo! (Risos). Foi uma emoção atrás da outra. Meu costeiro teve que deitar para passar embaixo do viaduto e depois levantar em menos de 02 minutos para, já assim, fazer a curva e adentrar na tão sonhada Passarela. Chorei, gritei e agradeci a Deus e meus orixás por toda bênção e por ter conseguido ter feito aquele trabalho com muita dedicação e vontade.


  • Vem cá: você também confecciona suas próprias fantasias. Como essa vocação foi despertada?

Então, depois do Carnaval 2019, despertou SIM a minha vontade de fazer minhas próprias fantasias. Sempre fiz em ateliês e com vários artistas, mas você fica na mão deles. E como sou ansioso, tinha vez que faltava arrancar os cabelos que nem tenho (risos). Daí surgiu essa vontade de confeccionar minha própria fantasia. Claro que conto com uma ajuda de vários profissionais como o Ferragem, o maravilhoso Gemilson, costureira. Roupa de corpo e cabeça, eu sempre faço com algum artista. Fico com a confecção do costeiro e art plumaria que eu aprendi olhando meus amigos fazendo, como o Destaque Nelson Coelho, que vem em minha casa e tira minhas dúvidas. Passamos tardes incríveis aqui. Eu tenho muito respeito por ele ter mais experiência. Sempre gosto de aprender, procuro muito também o Destaque Nelcimar Pires e Maurício Pina para materiais. A Simara Sukarno é um arraso, conhece tudo! (risos). Digo: sou novo na área de confecção, mas estou caminhando e estou muito feliz com o resultados.


  • Em 2020 o Carnaval brilhou, mas teve que dar uma pausa por causa da pandemia. Como tem sido pra você essa espera pela volta triunfante?

Claro que fiquei quase maluco sem Carnaval, mas daí eu comecei um Projeto de Lives, eu entrevistando grandes personalidades do Carnaval e grandes Destaques que foi ocupando essa pausa da Pandemia. Foi uma experiência nova e muito emocionante conhecer esses grandes artistas por trás das fantasias. Montei um grupo no WhatsApp de Destaques, unindo e fazendo a ponte aérea SP-RJ e todo Brasil. E até destaques do exterior, trocando carinho, conhecimentos e muitas histórias do Carnaval. Na verdade, nós estamos todos ansiosos para o retorno.

ALEX ARAÚJO - Fantasia Carnaval na Praça da Armênia - Crédito Março Máximo.
  • Em breve tudo volta aos conformes. O Alex Araújo já pensa no seu novo look como destaque de luxo?

Com certeza! Na verdade, estou a todo vapor confeccionando minha fantasia de São Paulo. Já peguei meu figurino desde fevereiro. Foi maravilhoso receber antes com certa antecedência, pois consigo fazer um trabalho primoroso e com riqueza nos detalhes, já que esse Figurino da ‘Águia de Ouro’ do Carnavalesco Sidney França é maravilhoso, um escândalo, uma fantasia de emocionar! Acredito que em outubro já esteja pronta pra começar a fantasia da ‘Unidos da Tijuca’ para 2022.


  • Eu, por exemplo, sempre desejei pisar na passarela. Tive a oportunidade de fazer isso nas Escolas de cidades pequenas e de assistir em São Paulo e Rio. É algo mágico! O que você tem a dizer às pessoas que almejam participar dessa magia, mas, por algum motivo, deixaram esse sonho de desfilar de lado?

Digo que nunca desista dos seus sonhos, por mais distante que sejam, pois uma hora Deus aponta a estrela que tem que brilhar. Eu fiquei ansioso em desfilar no Rio de Janeiro. No momento que deixei acontecer, o convite veio até a mim. E foi algo mágico! Por isso que digo: tudo tem a hora certa pra acontecer. Não deixe de viver e de acreditar em você. Muitos vão querer apagar seu brilho e sua luz, mas isso jamais Deus e os Orixás permitirão. Então, seja você e deixe sua alegria e sua força te levar até seus sonhos, pois suas conquistas têm hora certa pra acontecer.

Publicação Anterior

JOHNNIE WALKER PRINCES STREET: O NOVO LOCAL TURÍSTICO DO UÍSQUE ESCOCÊS MAIS VENDIDO NO MUNDO

Próxima Publicação

David Reis- A Soberana do Carnaval de Manaus, Mocidade Independente de Aparecida, lança samba-enredo para o desfile de 2022

175 Comentários

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado.