Jesús Fuentes: Laranja Azeda aposta por produtos sustentáveis

O novo estilo de vida verde não só pode se adquirir em comida, também em cosméticos tanto para o rosto e corpo.

O compromisso com o meio ambiente está sendo disseminado em várias vertentes e a beleza não poderia estar de fora, surge então Laranja Azeda. À medida que o interesse público pela sustentabilidade continua aumentando, muitos fabricantes de cosméticos buscam emulsificantes e ingredientes mais naturais e ecológicos para seus produtos.

É o caso de Anna Carvalo é uma engenheira química aposentada, criadora da marca sustentável e ecológica Laranja Azeda. Os benefícios destes produtos de beleza “verdes” vão além das tendências – estudos crescentes mostram a toxicidade dos cosméticos convencionais e o mercado de cosméticos naturais continua a crescer de forma rápida e consistente.

Está micro empresa se aventura no mercado verde de forma digital por meio de seu site web e seu perfil em instagram @_laranjaazeda, assim como presencialmente em pequenas feiras de na Zona sul Carioca, desta forma dão a conhecer os detalhes por trás deste movimento de sustentabilidade, incluindo os benefícios de se tornar verde como um estilo de vida.

A história da Senhora Anna é completamente interessante, iniciando com o primeiro laboratório na cozinha de casa e logo indo para São Cristóvão na década dos 90’ com uma loja, na época só de cosméticos tradicionais sendo uma linha de para rosto e corpo. Para o ano 2012 vende essa primeira empresa e continua fazendo consultoria na área de metalúrgica e corrosão, mas em 2016 volta a vontade de fazer cosméticos, dessa vez completamente produtos orgânicos e sustentáveis.

Para ela é uma paixão, assim que decide fazer uma plantação de lavanda pois queria alguma coisa que cheirasse, comprou os galhos e levou para o sítio do irmão para ver o que ai dar e poder realizar as primeiras mostras dos produtos, mas como ela mesma diz ” agronomia é uma coisa sensacional e o tempo dela é completamente diferente do tempo da indústria”, nessa primeira plantação no todo deu certo, mas com muita dedicação e estudo assim como ajuda de profissionais na área consiguió ter sua primeira matéria prima.

Da terra para o destilado

De uma plantação orgânica experimental para o produto final. O primeiro produto natural que nasce é um sabonete para o corpo com manteigas e óleos vegetais, para dar o cheiro gostoso entram os óleos essenciais, entre eles Capim limão, lavanda e patchouli.

Dentro do processo de destilado, existe o óleo essencial e o Hidrolato, um água termal com cheiro de hervás que vendría sendo o produto mais multifuncional da marca, podendo ser usado no rosto , corpo e até no dia a dia dentro de casa. São aproximadamente 13 hervas diferente: 2 tipos de Capim limão, 2 tipos de lavanda, 2 Alecrim, Gerânio, Melaleuca, Manjericão, Citronella, patchouli e Palma Rosa

O que seria um cosmético sustentável?

Os Cosméticos sustentáveis são produtos que durante seu ciclo de vida impactam de forma menos negativa o meio ambiente e cuidam do bem-estar animal, além de utilizar matérias-primas renováveis, é o caso de esta marca que proporciona um produto completamente natural do cultivo e destilação de ervas aromáticas.

Uns dos valores de Anna quem já tem mais de 26 anos trabalhando com cosméticos é a Qualidade, ” o Control de Qualidade é fundamental muito mais no produto artesanal” , assim como a Saúde, preservar o meio ambiente e a sustentabilidade.

Produtos:

Hidrolato facial (multifuncional)

Sabonetes líquidos & barra

Exfoliante de açaí

Máscaras facial de argila , carvão e argila preta

Tônico facial hidratante

Óleo vegetal corporal e facial

Óleo revitalização facial

Óleo escencial

Todos disponíveis no site da loja

www.larajanazedacosmetica.com.br

Instagram @_laranjaazeda

Publicação Anterior

Rodrigo Faro e Luiza Brunet serão os primeiros brasileiros na história a apresentarem um evento na Torre Eiffel

Próxima Publicação

Claudia Melo: Estreia com excelência novo centro de estética, Emporium da Beleza Centro Metropolitano