XVII RioHarpFestival - de 1 a 31 de julho

Rio Capital Mundial das Harpas

Mantendo a tradição dos anos anteriores, o Rio de Janeiro, em julho 2022, volta a ser a capital mundial das harpas através do XVII RioHarpFestival, que acontecerá de 1 a 31 com a participação de cerca de 150 músicos distribuídos por várias orquestras sendo quase 30 harpistas de 20 países, incluindo importantes artistas brasileiros. Paralelamente à programação no Rio, de 6 a 10 de julho, acontecerá o VI SPHarpFestival, no Centro Cultural Banco do Brasil de São Paulo.

Serão 73 concertos, sendo 54 no Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro; 5 no Palácio Tiradentes, no Centro; 1 no Museu Histórico do Exército, Forte de Copacabana (em Copacabana); 1 no Museu do Ingá, em Niterói; 3 no SESC Marquês da Abrantes, no Flamengo; 1 no SESC Quitandinha, em Petrópolis, além de 1 no Corcovado e 1 no Salão das Rosas do Jockey Club Brasileiro, na Gávea. O projeto é patrocinado pelo Banco do Brasil e conta com o apoio da Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro (FUNARJ) e a parceria do Sesc.

O evento está inserido no projeto “Música no Museu”, que em 25 anos de atividades ininterruptas de janeiro a dezembro de cada ano atinge o Brasil de norte a sul, além de sua vertente internacional e que há 16 anos enfatiza a harpa através de um festival internacional.

Publicação Anterior

Fotos de divulgação da Exposição de Beto Gatti

Próxima Publicação

Sábados de Julho do Hilton Barra serão de Jazz, queijos e vinhos