Programa Luz Maravilha da Prefeitura do Rio chega a marca de 75% da cidade em LED

Projeto Luz Maravilha – divulgação

A nova iluminação acaba de ser concluída nos 20,4 km das orlas da Barra da Tijuca, Recreio até o Pontal.

Falta pouco para a noite virar dia na cidade do Rio de Janeiro. O programa Luz Maravilha, da prefeitura do Rio, por meio da Rioluz em consórcio com a empresa Smartluz, acaba de atingir a importante marca de 75% de conclusão da meta inicial estabelecida pela Parceria Público-Privada (PPP) que prevê a substituição de 450 mil luminárias por LED de todo o parque de iluminação pública do município até o final de 2022. Até agora, a Rioluz já instalou 336.493 luminárias de LED na cidade.

Projeto Luz Maravilha - divulgação

Os vinte e quatro quilômetros de extensão de toda a orla da Barra da Tijuca passando pelo Recreio dos Bandeirantes já está todinha em LED. A Rioluz trocou 1.547 pontos de luz amarela pelas novas lâmpadas de LED e instalou 899 novos refletores para a faixa de areia. Por conta da maresia do local, a Rioluz substituiu 367 postes de aço por novos de fibra, que são mais duráveis e resistentes às intempéries.

No trecho que compreende a praia da Barra, foram 310 projetores de LED, 542 luminárias e 27 postes. No calçadão da Avenida Lúcio Costa, cada quiosque teve o reforço de, pelo menos, dois pontos da nova luz branca e, para completar, os refletores das areias também foram trocados por luzes mais potentes e resistentes. Com a iluminação mais clara, as atividades nas areias poderão ser feitas em horários mais flexíveis também durante a noite-

– O Programa Luz Maravilha beneficia a rotina dos moradores da cidade do Rio de Janeiro. As ruas ficam mais claras e, consequentemente, convida as pessoas para usufruir a cidade em horários noturnos. A entrega da orla da Barra da Tijuca até o Recreio é mais um grande passo rumo a meta de deixar todo o Rio iluminado e mais bonito – destaca o presidente da Rioluz, Paulo Cezar dos Santos.

Uma outra grande novidade para os moradores daquela região é que a Ilha da Gigóia, próxima à estação do metrô Jardim Oceânico, está todinha em LED. Por lá, foram 113 pontos de luz modernizados. O projeto ainda trouxe uma iluminação inédita para o píer do Quebramar na Barra da Tijuca, inaugurado em abril deste ano. Pela primeira vez, o píer está completamente iluminado até a ponta, onde muitas pessoas gostam de frequentar para apreciar o mar, além de ser um local de uso dos pescadores.

E bem ali próximo do Quebramar, fica outro point da Barra, a “Praia do Pepê”, quiosque famoso que atrai muitos banhistas. Naquele trecho foram implantados 22 postes, 175 projetores e 70 luminárias de LED. Saindo da Barra e indo para a praia do Recreio, a Rioluz implantou 290 projetores, 489 luminárias e 57 postes. Já na praia ao lado, da Macumba, foram 196 luminárias e 98 postes implantados. Em seguida vem a praia da Sernambetiba com 72 projetores, 42 novas luminárias e 54 postes. Já no Pontal, foram 52 projetores e 4 postes implantados.

Na área da Reserva, a Rioluz instalou 171 luminárias de LED e implantou mais 21 postes. Como existe um trecho que não pode ser iluminado por ser uma área de preservação ambiental, a CET-RIO fez um trabalho de sinalização nas pistas com pintura das faixas para os motoristas acompanharem os olhos de gato colocados no asfalto

– O Luz Maravilha é um reforço na segurança da nossa região. A iluminação mais potente traz mais conforto para os motoristas e deixa as vias mais seguras para os pedestres. E agora, com os novos holofotes das praias, os moradores e visitantes vão poder curtir mais tempo na orla. Além da segurança, incentivamos o lazer e a prática esportiva, são esses os benefícios gerados pela nova iluminação pública – afirma o Subprefeito da Barra, Recreio e Vargens Raphael Lima.

O Programa Luz Maravilha já atingiu todas as regiões do Rio de Janeiro, simultaneamente. Grandes vias e avenidas já foram contempladas como a Linha Vermelha, a Presidente Vargas, no Centro, as estradas do Cachamorra e Magarça, ambos em Campo Grande, a Av. Brás de Pina, em Vista Alegre, a região do Maracanã, na grande Tijuca, zona norte. Na zona sul, a autoestrada Lagoa Barra, a Av. Vieira Souto, a Av. Nossa Senhora de Copacabana também estão em LED.

As primeiras comunidades a receberem a iluminação 100% LED foram o Complexo do Alemão e da Penha, ambas na zona norte. A Rioluz também já modernizou onze dos dezenove túneis previstos no programa.

Do morro ao asfalto, é possível observar como o Rio está mais iluminado e bonito com o programa Luz Maravilha, que está trocando toda a iluminação antiga da cidade por LED. Além de revitalizar os espaços públicos, embelezando o visual da cidade, as ruas iluminadas contribuem para a segurança pública, inibindo delitos e reduzindo a criminalidade.

 

Fotos: Marcelo Piu/ Prefeitura do Ri
Drone: Rhavinne Vaz/ Prefeitura do Rio

#cidade #riodejaneiro #rio #rj #barradatijuca #subprefeitura #prefeituradorio

Publicação Anterior

Ígor Lopes: Martha Rocha lançou ontem no Rio de Janeiro o livro “Elas não são Deusas – Histórias da Carceragem Feminina”

Próxima Publicação

André Conrado: Portugal – Verão 2022 – Parte 1