Ígor Lopes: Presidente de Portugal enalteceu José Saramago durante Bienal do Livro em São Paulo

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, que esteve em viagem oficial no Brasil nos últimos dias, prestou homenagem ao escritor português José Saramago, o único autor luso a ganhar o Nobel de Literatura, durante a abertura da Bienal Internacional do Livro de São Paulo, Brasil.

“Saramago é português, fala da história de Portugal, mas é universal”, afirmou o chefe de Estado português, neste ano em que se celebra o centenário de nascimento de José Saramago (1922-2010).

Portugal é o país convidado de honra desta Bienal, razão pela qual levou ao Brasil 20 escritores, entre eles Valter Hugo Mãe e José Luís Peixoto. A escritora moçambicana Paulina Chiziane foi palestrante no evento.

“A homenagem a Saramago tem que ser pela leitura. Naqueles livros ainda está lá Saramago e vai estar sempre. Para quem os ler hoje é como se eles tivessem sido escritos ontem. Não são livros marcados no tempo, são livros que desafiam o tempo”, afirmou Peixoto no espaço Arena Cultural, onde esteve com os escritores brasileiros Andrea del Fuego e Jeferson Tenório.

Prêmio Camões

“Prêmio Camões”

Primeira escritora africana a vencer o Prêmio Camões, instituído por Portugal e pelo Brasil em 1989, Chiziane afirmou que o prêmio que recebe é uma gratificação para uma raça que “finalmente é reconhecida”: a raça negra.

“Este espaço que se abriu é um espaço a partir do qual posso falar um pouco mais sobre esse nosso sonho de construir um mundo um pouco melhor”, falou em palestra sobre a sua vida e obra.

No Pavilhão, a exposição sobre o prêmio pode ser vista em formato digital e traz informações sobre os 34 prestigiados.

Rebelo e Peixoto

Viagem a “Portugal Revisited”

Inspirado pela obra “Viagem a Portugal” (1981) de Saramago, o Viagem a Portugal Revisited é um projeto que, 40 anos depois do lançamento do livro, convidou autores portugueses a refazer os passos de Saramago pelo país. No domingo, os organizadores mostraram uma prévia da primeira versão do projeto, a plataforma Viagem a Portugal Revisited, que será lançada nas próximas semanas.

O site terá conteúdos das viagens – textos, vídeos e podcasts – para serem consultados de forma interativa, com separadores em mapas 3D animados com tecnologia Google Earth. O projeto, que é desenvolvido pelo Turismo de Portugal em parceria com a Fundação José Saramago e com curadoria de Peixoto, foi apresentado pelo autor ao lado da brasileira Adriana Lisboa.

O domingo ainda contou com conversas dos escritores portugueses Maria do Rosário Pedreira, Pedro Eiras e Dulce Maria Cardoso.

Portugal apresenta uma programação extensa de atividades na Bienal, incluindo as alas infantil e “Cozinhando com palavras”, além de um estande com exposições, espaço para palestras e uma livraria. O evento começou no dia 2 de julho e vai até o dia 10 de julho no Expo Center Norte.

Ígor Lopes, com Beatriz Hermínio

Publicação Anterior

Osvaldo Novais: A igreja de Nossa Senhora do Brasil – Urca – RJ

Próxima Publicação

Titta Aguiar: A arte de CRIAR MODA