Dr. Rondó Jr.: Seu filho bebe suco natural de fruta? É bom tomar cuidado…

Sucos naturais – atenção dos pais – divulgação

Temos visto um crescimento assustador dos transtornos mentais.

Estou falando da explosão dos casos de depressão, ansiedade, síndrome do pânico e outros problemas.

Primeiro, eles se alastraram entre os adultos.

Depois, passaram a afetar milhões de adolescentes, gerando casos dolorosos e perdas incalculáveis.

E agora, já chegam às crianças…

Muitos vão colocar a culpa disso tudo na vida moderna.

No excesso de redes sociais, no vídeo game, nas pressões do trabalho e da escola, nas preocupações cotidianas com a violência e outras milhares de questões do nosso mundo complexo.

De certa forma, esses fatores podem sim contribuir…

Mas não só eles.

Já parou pra pensar no que você come e na influência dessa alimentação na sua saúde mental?

É fácil de entender… Se sua alimentação é ruim, o seu corpo sofre. E o seu cérebro também. Concorda?

Hoje, o que as pesquisas mostram é que cuidar da saúde mental na infância pode levar a uma adolescência mentalmente saudável…

E uma vida adulta igualmente mais equilibrada!

Se tem algo que você pode fazer pelos filhos é garantir uma alimentação adequada para a idade, usando a natureza a seu favor.

Para se ter uma ideia, uma pesquisa recente feita no Reino Unido comparou o que as quase 9 mil crianças e adolescentes comiam com seus desempenhos de saúde mental.

O que se concluiu é que as que comiam mais frutas e vegetais tinham melhor bem-estar mental, o que pode ajudar a reduzir o risco desses problemas que vemos hoje.

Sim, indicar que crianças e adolescentes comam mais comida natural é um conselho óbvio.

Mas parece que muitos pais vêm se esquecendo disso.

E o resultado é essa epidemia de transtornos nos jovens… e depois, na vida adulta.

O que seu filho NÃO deve comer

Vale a pena dar uma boa revisada no que seu filho NÃO deve comer (ou comer o mínimo possível).

Alguns itens talvez você já esteja cansado de saber. Mas outros ainda são vistos como saudáveis por muita gente, e hora de riscá-los da sua lista. Vamos lá.

1 – Refrigerantes

Não há nem muito o que falar… Trata-se de uma mistura de produtos químicos adoçados com muito açúcar. Apenas isso. Evite ao máximo!

2 – Fast food

Esses lanches estão cheios de gorduras ruins e açúcares, e em excesso são extremamente prejudiciais às crianças e adolescentes.

3 – Cereais matinais

Esses ainda são vistos por muitos como uma “café da manhã saudável”. Mas não é nada disso.

A maioria dos cereais são apenas farinha, açúcares, sódio e conservantes. Não importa o que diz aquela bela caixa colorida. É um alimento super processado que deve ser evitado.

4 – Sucos de fruta

Cuidado com eles! Na verdade, existem vários sucos de fruta.

Há os industrializados, que obviamente você deve evitar.

Esses sucos de caixinha também passam por processos químicos, e muitas vezes têm adição de açúcar ou conservantes.

Além disso, não mantêm todas as vitaminas e fibras da fruta.

Os sucos naturais são uma opção um pouco melhor, desde que não sejam coados (o que remove as fibras benéficas) nem adoçados.

Ainda assim, devem ser usados moderadamente.

A melhor opção, de fato, é comer a fruta inteira e fresca.

Ela foi feita sabiamente pela natureza contendo um melhor equilíbrio entre fibras e açúcares, além de conservar todos os outros nutrientes.

Ah! E não se esqueça dos outros vegetais… Eles podem ser comidos em saladas ou batidos com essas frutas (veja aqui centenas de receitas).

Cuidando da alimentação de suas crianças e adolescentes, você automaticamente estará cuidando da saúde mental delas.

Supersaúde!

Referências bibliográficas:

Richard Hayhoe, Boika Rechel, Allan B Clark, Claire Gummerson, S J Louise Smith, Ailsa A Welch. Cross-sectional associations of schoolchildren’s fruit and vegetable consumption, and meal choices, with their mental well-being: a cross-sectional study. BMJ Nutrition, Prevention & Health, 2021; e000205 DOI: 10.1136/bmjnph-2020-000205.

University of East Anglia. “Children who eat more fruit and veggies have better mental health.” ScienceDaily. ScienceDaily, 28 September 2021.

Alimentação Infantil: Não Deixe pra Depois o que Precisa Começar Agora – www.DrRondo.com

Diabetes na Infância: Cuidado Redobrado! – www.DrRondo.com

#saúde #bem-estar #alimentação

Publicação Anterior

Arraiá da HOB Hamburgueria – Sábado 23/07 Tijuca (RJ)

Próxima Publicação

Pestana Hotel Group lança ação especial para as férias de julho