Kenia Estevess: LUIS VILLARINO, a ESSÊNCIA da REVISTA do VILLA no EXTREMO SUL da BAHIA.

Olá amigos,

Minha matéria de hoje remete a um virginiano guerreiro , de olhar elegante e super organizado como a representação do zodíaco o caracteriza.

Sim, essa é a descrição que faço do diretor da REVISTA do VILLA; LUÍS VILLARINO.

Durante uma semana estivemos juntos aqui em PORTO SEGURO-BA; de forma a organizar o cocktail de 10 anos da revista ; criar a logística para o lançamento das novas capas e da TV VILLA; a qual eu serei a âncora na região.

E entre uma pauta e outra , conversas claro, da mais pura…ESSÊNCIA foram desenvolvidas.

Seja na beira da linda piscina do HOTEL SOLAR do IMPERADOR; onde L.V. se hospedou ; ou em um dos lugares especiais que fazem parte da minha wish list.

Nessas conversas , deu para perceber claramente como esse trabalho “de formiguinha” , mas com um engajamento arrojado; está sendo o sucesso que é quando se trata de uma revista digital luso brasileira.

Foco…calma …transparência e knowhow.

LUÍS VILLARINO, nos conta a seguir um pouco mais , não só desse ser humano com o coração e alma gigantes que ele é; mas também de sua visão e perspectivas da REVISTA do VILLA para o EXTREMO SUL da BAHIA.

Que ele e todos vocês , sejam bem vindos a esse domingo de edição exclusiva .

K.E. 1: Luis Villarino; é a primeira vez que você vem a Porto Seguro-BA?

L.V. Não! Mas é como se fosse.

Tudo evolui bastante e está super diferente dos anos 90 quando eu conheci toda essa linda região.

K.E. 2: Caso já tenha vindo; relate para nossos exclusivos leitores quando foi essa vivência. Caso contrário; qual está sendo a sua impressão de nosso município?

L.V. : Como havia dito foi nos anos 90.

De lá pra cá muita coisa mudou.

Sistema de balsas , nova orla, transporte, e uma gastronomia diversificada e saborosa são os meus destaques.

K.E. 3: Você é uma pessoa que vive viajando nos 4 cantos do universo.

O que você acha que falta ao turismo de PORTO SEGURO-BA para que este evolua como um todo?

L.V. Acredito que uma cultura de ponta. Valorizar as raizes , mas também trazer novos olhares para agregar uma plasticidade real a essa mesma arte.

K.E. 4: Suas ações a frente da REVISTA do VILLA junto ao seu sócio OSWALDO NOVAES, são sempre voltadas a arte, a cultura e a um lifestyle exclusivo, porém accessivel a todos.

Você acredita que este é o novo perfil das pessoas após a pandemia ou sempre foi o foco de vocês?

L.V. Há muito tempo não existe mais esse estigma de classes mais abastadas ou não.

E a pandemia veio para enfatizar esse conceito.

Todos, em especial nos dias de hoje, trabalham muito para conquistar um espaço no mundo.

K.E. 5: A seu ver, o que é ter um autêntico lifestyle?

L.V.: Vou responder essa pergunta replicando a sua palavra “Autêntico “. Para mim hoje em dia , ter um bom lifestyle é ser autêntico em suas atitudes e assim curtir a vida.

K.E. 6: LUÍS VILLARINO, você vem de uma família tradicional que colaborou com a história do RJ . Um restaurante, hoje tombado pelo patrimônio histórico , localizado no Centro do Rio de Janeiro e circulou nas melhores festas realizadas nos anos 70 e 80.

Claro que muita coisa mudou e evoluiu.

Mas qual o seu maior destaque para essa época?

K.E. 7: Atualmente você se divide entre BRASIL e PORTUGAL. Você acha que mais do que nunca os laços luso brasileiros estão fortalecidos?

L.V.: Com certeza! Nossas culturas são bastante semelhantes e assim todos os projetos ficam naturalmente fortalecidos e coesos.

K.E. 8: Podemos dar o spoiler sobre os planos da REVISTA do VILLA aqui para o EXTREMO SUL da BAHIA?

L.V.: Claro! Vim a Bahia , me hospedar nesse elegante e inspirador HOTEL SOLAR do IMPERADOR, para organizar junto a colunista social da REVISTA do VILLA; KÊNIA ESTEVESS e a equipe do CEO do hotel CHARBEL TAUIL a festa de 10 anos da revista; o lançamento das capas e o o segmento TV VILLA.

K.E. 9: Em que se baseia a TV VILLA?

L.V.: A TV VILLA consiste em um programa de entrevistas.

Que pode ser realizada de forma itinerante ou na base que será montada em um espaço exclusivo do hotel SOLAR do IMPERADOR.

K.E. 10: Com esse seu longo expertise no jornalismo , conta para nossos exclusivos leitores, qual o critério fundamental para se

construir uma boa mídia digital.

L.V.: Sem dúvida a transparência e a honestidade por que toda a mentira tem perna curta. Rsrsrs.

K.E. 11: Complete a frase; A BAHIA PRA VOCÊ É….

L.V.: LUZ …ENERGIA POSITIVA e AMOR.

De mais , parabéns por sua história ; super obrigada pela atenção e por me escolher para representar essa revista digital tão conceituada no circuito luso brasileiro.

A REVISTA do VILLA!

Publicação Anterior

Fernando Pessoa tem obra celebrada no espetáculo ‘Pessoa(s)’, da Studio3 Cia. de Dança

Próxima Publicação

Ígor Lopes: Santiago de Compostela: um paraíso arquitetônico e de fé