Claudia Melo: Longa-metragem Papai é Pop, com Lázaro Ramos e Paolla Oliveira, teve pré estreia no Rio e já marcou sucesso.

Longa dirigido por Caito Ortiz e livremente inspirado em livro homônimo de Marcos Piangers ganha trailer e chega aos cinemas na véspera do Dia dos Pais

O filme que aborda como aprender a ser pai? Esse é um questionamento que permeia a história de Tom (Lázaro Ramos) ao ver sua filha com Elisa (Paolla Oliveira) nascer no filme “Papai é pop”. Dirigido por Caito Ortiz com roteiro de Ricardo Hofstetter – livremente inspirado no livro homônimo de Marcos Piangers -, que teve sua pré estreia, quarta-feira (27/07), na Zona Sul carioca. Que contou com convidados como a esposa de Lázaro a atriz Thais Araújo, o ator Vladimir Brichta, Edward Melo, Isabela Quilodran, Mariana Xavier, eu Claudia Melo, entre outros, A estreia desse enredo nos cinemas de todo o Brasil está marcada para 11 de agosto, véspera do Dia dos Pais, e conta com Lázaro Ramos, Paolla Oliveira, Elisa Lucinda, Leandro Ramos e Dadá Coelho no elenco. 

Eu fui conferir essa pré estreia e levei meu filho que aprovou a trama. Filme para toda família.

Tom e Elisa veem sua rotina se transformar com o nascimento de Laura (Malu Aloise). A adaptação de Tom à nova vida interfere no vínculo do casal, além de mexer com a relação de Tom com sua mãe, Gladys (Elisa Lucinda), que o criou sozinha. Tom precisa ressignificar tudo que aprendeu até então e entender a importância de uma paternidade ativa. “Acho que as pessoas vão se identificar muito com a história do filme, porque ele é sobre aprendizado e afeto”, opina Lázaro, que protagoniza o longa ao lado de Paolla Oliveira. 

A coprodução da Galeria Distribuidora, Pródigo Filmes e Grupo Telefilms se destaca pela temática. “O filme traz um assunto que ainda é pouco discutido no Brasil: a paternidade. E fazer isso com o Lázaro Ramos e a Paolla Oliveira foi muito potente. Eles viveram aquelas cenas de verdade, se emocionaram em vários momentos. Discutimos como construir cada cena e criamos juntos”, comenta Caito Ortiz.

Elenco do Filme Papai é Pop

Enquanto Tom está descobrindo um caminho, Elisa vive a maternidade e seus desafios com total dedicação. Apesar de todas as dificuldades do puerpério, ela está inteira naquela vivência. PAPAI É POP carrega a paternidade no título, mas tem no centro da história também a mãe que, muitas vezes, se sente sozinha nessa jornada. “É um filme familiar que fala da descoberta de um pai e a transição de uma mãe para o que a gente acha que é uma família mais moderna, mais coerente com os valores e responsabilidades bem divididas”, afirma Paolla.

O filme apresenta situações emocionantes e divertidas na busca de Tom por uma transformação interior, que afeta não só a sua vida como a de toda a família. A trajetória do protagonista traz ainda uma reflexão sobre o que a sociedade enxerga como um pai presente. “O filme não quer endeusar a figura paterna. A história apresenta um pai que não é perfeito e que está em busca de uma transformação e isso é o que torna o filme importante”, afirma Gabriel Gurman, CEO da Galeria Distribuidora e produtor do longa. “Esse é um projeto que nos traz muito orgulho, além de ser uma história emocionante. Trata-se de um filme cuja narrativa vai inspirar pais e mães. Produzir esse filme nos dá a oportunidade de contribuir para uma sociedade que busca transformações nas relações familiares”, afirma Beto Gauss, produtor do filme e Co-CEO da Pródigo.

O elenco conta ainda com Dadá Coelho como Joana, melhor amiga de Elisa; e Leandro Ramos como Júlio, parceiro de vida e trabalho de Tom. O autor Marcos Piangers faz uma participação afetiva no longa durante uma partida de futebo

Sinopse: PAPAI É POP é uma dramédia para toda a família que conta a história de Tom (Lázaro Ramos), um homem comum que vê sua vida mudar ao se tornar pai. Ao lado da esposa Elisa (Paolla Oliveira), Tom precisa aprender na prática como cuidar da filha e, em meio a situações divertidas e emocionantes do cotidiano, apresenta uma transformação interior que conflita com a forma como a sociedade enxerga um pai presente. Livremente inspirado no best-seller “O Papai é Pop”, de Marcos Piangers, o filme é estrelado por Lázaro Ramos, Paolla Oliveira, Elisa Lucinda, Dadá Coelho e Leandro Ramos.

Produzido por Beto Gauss, Francesco Civita, Ricardo Costianovsky, Tomas Darcyl e Gabriel Gurman, PAPAI É POP tem roteiro de Ricardo Hofstetter e é dirigido por Caito Ortiz. Os produtores executivos são Beto Gauss, Francesco Civita, Renata Grynszpan, Marina Hasche e Deborah Nikaido. PAPAI É POP tem produção da Pródigo Filmes, em coprodução com a Galeria Distribuidora e o Grupo Telefilms. A distribuição é da Galeria Distribuidora.

Após a pré estreia o Elenco e produção do longa-metragem, comemoraram o sucesso no bairro do Jardim Botânico no Rio de Janeiro e contou com a presença de influenciadores e artistas como a atriz Mariana Xavier e o namorado Diogo Braga

Mariana Xavier e o namorado Diogo Braga, pousaram para foto comigo Claudia Melo, meu filho ator Mirim Edward Melo que divertiu o casal na pista de dança

Coluna @claudiamelooficial

Publicação Anterior

Dom Casero prepara cestas para presentear neste Dia dos Pais

Próxima Publicação

Prefeitura do Rio realiza acolhimento e resgate de crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil